Minhas Leituras #42: Medo clássico – Edgar Allan Poe

 

Título: Medo clássico, v. 1
Autor: Edgar Allan Poe
Editora: Darkside Books
Ano: 2017
Páginas: 384
Tradução: Marcia Heloisa
Veja o livro no site da editora: http://www.darksidebooks.com.br/edgar-allan-poe-medo-classico/

“Àqueles que sonham de dia, é dado a conhecer muito do que escapa aos que sonham apenas à noite”. (POE, Edgar Allan. Eleonora. In: Medo Clássico. Darkside Books, 2017, p. 263)

Inspiração para diversos autores, como H. P. Lovecraft, Stephen King e Neil Gaiman, Edgar Allan Poe ajudou a consolidar diversos gêneros literários e criou uma legião de leitores amantes do horror e do mistério. Dentre sua vasta produção de contos, a editora Darkside Books selecionou 15 e os organizou em uma bela edição, digna à importância desse grande autor. Continuar lendo “Minhas Leituras #42: Medo clássico – Edgar Allan Poe”

Anúncios
Minhas Leituras #42: Medo clássico – Edgar Allan Poe

Minhas Leituras #38: A hora do lobisomem – Stephen King

Título: A hora do lobisomem
Autor: Stephen King
Editora: Suma de Letras
Ano: 2017
Páginas: 152
Tradução: Regiane Winarski
Veja o livro no site da editora: https://www.companhiadasletras.com.br/detalhe.php?codigo=28000431

“Cuidado com a Besta, pois ela pode sorrir e dizer que é sua vizinha, mas, ah irmãos, os dentes são afiados, e é possível perceber a inquietação no movimento dos olhos dela. Ela é a Besta e está aqui, agora, em Tarker’s Mills” (KING, Stephen. A hora do lobisomem. Suma de Letras, 2017, p. 48)

Ao longo de sua carreira, Stephen King já escreveu sobre quase todo tipo de monstro. Como o título indica, no presente livro ele vai nos contar uma história de lobisomem, uma criatura muito explorada na literatura e, principalmente, no cinema. A hora dele é aqui, e é agora! Preparado para enfrentar essa Besta devoradora de carne humana? Continuar lendo “Minhas Leituras #38: A hora do lobisomem – Stephen King”

Minhas Leituras #38: A hora do lobisomem – Stephen King

IT, A COISA – O LIVRO E O FILME

Na última sexta-feira, fui ao cinema assistir esse filme, que após várias mudanças de diretor e de projeto e uma grande campanha de marketing (ano passado havia uma onda de palhaços assassinos nos EUA, por exemplo), acabou gerando muita expectativa, se tornando o filme de terror mais aguardado do ano. Dirigido por Andy Muschietti, conhecido pelo filme ‘Mama’ (2013), e que, agora, passará a ser conhecido por ser o diretor de ‘It, a coisa’, de tão bom que o filme ficou.

O livro, uma das obras mais conhecidas e aclamadas de Stephen King é um calhamaço com mais de mil páginas e fora adaptado para uma minissérie de TV em 1991, porém nunca para o cinema, até então. Não sou a Ju Orosco, que faz grandes resenhas sobre filmes, porém vou deixar aqui minha impressão sobre o que assisti e, sendo um grande fã de King e por já ter lido a obra na qual a película se baseou, fazer uma comparação entre livro e filme. Continuar lendo “IT, A COISA – O LIVRO E O FILME”

IT, A COISA – O LIVRO E O FILME

POEMA: OLHE DEBAIXO DA CAMA

Um dos gêneros literários que mais gosto é o Terror. Livros que mexem com o imaginário, com os medos mais inconscientes. Acredito que atingir esse objetivo na literatura não deve ser algo fácil, é preciso muita criatividade e usar bem as palavras. Pensando nisso, resolvi escrever um poema voltado ao terror, com uma história sobre algo desconhecido, que persegue o narrador e que não pode ser visto. O desconhecido é sempre aterrorizante.

Será possível um poema causar medo? Continuar lendo “POEMA: OLHE DEBAIXO DA CAMA”

POEMA: OLHE DEBAIXO DA CAMA

MINHAS LEITURAS #33: CONTOS, VOLUME 1 – H. P. LOVECRAFT

Título: Contos, volume 1
Autor: H. P. Lovecraft
Editora: Martin Claret
Ano: 2017
Páginas: 213
Tradução: Alda Porto; Lenita Maria Rimoli Esteves; Vilma Maria da Silva
Veja o livro no site da editora: http://martinclaret.com.br/livro/contos-h-p-lovecraft-volume-1/

“O máximo horror muitas vezes paralisa a memória de uma forma misericordiosa”. (LOVECRAFT, H. P.. Os ratos na parede. In: Contos, volume 1. Martin Claret, 2017, p. 115)

Quando se fala em literatura de terror, um nome que não podemos esquecer é o de Howard Phillips Lovecraft. Autor clássico do gênero, é uma inspiração para qualquer autor atual. Suas obras marcam um tipo de terror cósmico, de algo que vem de fora, que é estranho. Esta edição reúne dez contos de temáticas distintas, porém sempre com algo em comum: uma situação estranha e assustadora que envolve os protagonistas. Preparado para conhecer um pouco sobre o horror clássico? Continuar lendo “MINHAS LEITURAS #33: CONTOS, VOLUME 1 – H. P. LOVECRAFT”

MINHAS LEITURAS #33: CONTOS, VOLUME 1 – H. P. LOVECRAFT

MINHAS LEITURAS #24: O MÉDICO E O MONSTRO – ROBERT LOUIS STEVENSON

Título: O médico e o monstro: o estranho caso do dr. Jekyll e sr. Hyde
Autor: Robert Louis Stevenson
Editora: Penguin-Companhia
Ano: 2015
Páginas: 160
Tradução: Jorio Dauster
Veja o livro no site da editora: https://www.companhiadasletras.com.br/detalhe.php?codigo=85136

“Causei a mim próprio uma punição e um perigo que não posso revelar. Se sou o maior pecador, sou também o maior sofredor […]” (STEVENSON, Robert Louis. O médico e o monstro: o estranho caso do dr. Jekyll e sr. Hyde. Penguin-Companhia das Letras, 2015. p. 96)

Poucos livros conseguem se tornar ícones de um gênero literário. A obra de maior sucesso de Stevenson é lembrada até hoje, mais de cem anos após sua publicação original, em 1886. A grande maioria das pessoas já ouviu falar em ‘O médico e o monstro’, inspiração para diversos autores, livros, filmes e peças de teatro. Um clássico da literatura gótica e do horror, que vai muito além da intenção de espantar o leitor: é também uma leitura do homem e de seus desejos mais obscuros. Continuar lendo “MINHAS LEITURAS #24: O MÉDICO E O MONSTRO – ROBERT LOUIS STEVENSON”

MINHAS LEITURAS #24: O MÉDICO E O MONSTRO – ROBERT LOUIS STEVENSON

MINHAS LEITURAS #22: FANTASMAS DO SÉCULO XX – JOE HILL

Título: Fantasmas do século XX
Autor: Joe Hill
Editora: Sextante
Ano: 2008
Páginas: 288
Tradução: Fernanda Abreu
Veja o livro no site da editora: http://www.editoraarqueiro.com.br/livros/fantasmas-do-seculo-xx-esgotado/

Toda ficção era um faz-de-conta, o que tornava a fantasia mais válida (e mais honesta) do que o realismo. (HILL, Joe. Fantasmas do Século XX, Sextante, 2008. In: O melhor do novo horror, p. 24

A citação acima fala um pouco sobre o livro. Essa é uma coletânea com 17 contos do autor Joe Hill, seu primeiro livro publicado. Apesar do título remeter mais ao terror, pois nos faz pensar em fantasmas, não se trata de histórias aterrorizantes, que te deixarão com medo. O gênero fantasia é mais forte que o horror aqui. Temos uma ampla gama de estilos, temos uma história de fantasma, outra sobre sequestradores, sobre psicopatas com poderes especiais, sobre a vida em família, um escritor excêntrico; enfim, são contos bem diferentes uns dos outros, deixando o livro mais dinâmico, menos repetitivo. E, para quem não sabe, Joe Hill é filho de um autor muito famoso. Continue lendo e descubra mais sobre o autor e essa obra. Continuar lendo “MINHAS LEITURAS #22: FANTASMAS DO SÉCULO XX – JOE HILL”

MINHAS LEITURAS #22: FANTASMAS DO SÉCULO XX – JOE HILL

POEMA: SOBRE A ESCURIDÃO

Esse é um poema de 2012, escrito por um Alan mais jovem, fascinado por livros, histórias e jogos de terror. O resultado disso não poderia ser diferente, alguns versos sobre algo presente em qualquer boa prosa de horror: a escuridão.

A escuridão é um tema amplo, que pode ser explorado de diversas maneiras. Ninguém sabe o que se esconde na penumbra, quais criaturas se esgueiram por ela, os piores pesadelos que ela pode trazer. Enfim, nossa imaginação parece ganhar uma enorme força quando confrontada com a falta de luz. Ironicamente, a falta é o que dá luz à imaginação.

Deixo o aviso: tome cuidado com a escuridão, ela te observa, pode sentir seu medo. Continuar lendo “POEMA: SOBRE A ESCURIDÃO”

POEMA: SOBRE A ESCURIDÃO

MINHAS LEITURAS #21: ROSTO DE CAVEIRA, OS FILHOS DA NOITE E OUTROS CONTOS – ROBERT E. HOWARD

Título: Rosto de caveira, os filhos da noite e outros contos
Autor: Robert E. Howard
Editora: Martin Claret
Ano: 2013
Páginas: 306
Tradução: Bárbara Guimarães
Veja o livro no site da editora: http://www.martinclaret.com.br/index.php/rosto-de-caveira-os-filhos-da-noite-e-outros-contos/

Eu passei a acreditar que a humanidade flutua sobre as margens de oceanos secretos dos quais não tem nenhum conhecimento. HOWARD, Robert E. Rosto de caveira, os filhos da noite e outros contos. Martin Claret, 2013. In: Na floresta de Villefore, p. 176-177.

A polêmica editora Martin Claret, após sofrer acusações e processos por conta de plágio em suas traduções, o que ocasionou no fracasso da venda de partes de suas ações à Objetiva, em 2007, resolveu se redimir e investir em obras clássicas, de domínio público, com traduções próprias. Pode-se notar, hoje, uma grande quantidade de livros da editora nas lojas, tanto físicas quanto virtuais, em edições caprichadas e com preços acessíveis. Buscando a atenção do público mais jovem, trouxe ao Brasil uma coletânea com algumas histórias de Robert E. Howard, um dos maiores escritores de fantasia e terror dos EUA, que fez grande sucesso nas décadas de 1920 e 1930. Continuar lendo “MINHAS LEITURAS #21: ROSTO DE CAVEIRA, OS FILHOS DA NOITE E OUTROS CONTOS – ROBERT E. HOWARD”

MINHAS LEITURAS #21: ROSTO DE CAVEIRA, OS FILHOS DA NOITE E OUTROS CONTOS – ROBERT E. HOWARD

5 LIVROS QUE DARIAM ÓTIMOS PESOS DE PORTA

Quando decidi criar esta lista, fiquei em dúvida quanto ao título que a daria. Eu poderia chama-la de “5 livros que poderiam ser utilizados como arma”, até porque vou falar sobre livros enormes, que, se arremessados na cabeça de alguém, poderiam matar o indivíduo ou causarem sérios danos. Mas eu não quero fazer apologia à violência aqui no meu blog. Não, prezo pela paz e espero que você também siga esse caminho, caro leitor.

Minha amiga Jéssica, que é mais louca por livros do que eu e é dona do canal Jéssica Lopes (faz sentido), sugeriu o título “Calhamaços da estante”, que eu não achei chamativo, preferi esse que utilizei, pelo tom humorístico que carrega (espero que você ache esse um título engraçado – desculpa, Jéssica). Enfim, a Jéssica e eu decidimos criar um conteúdo com a mesma ideia, ela em formato de vídeo para o seu canal, e eu escrevendo um post. Dessa forma, com bom humor, venho apresentar 5 “tijolos” que possuo em minha estante, que são tão bons quanto o número de páginas que possuem (confesso que não li todos eles ainda). Livros grandes assim demandam muito tempo e vontade do leitor, ainda mais se apresentarem uma leitura arrastada, porém o final da leitura é recompensado pelo sentimento de uma missão extremamente difícil que foi concluída com sucesso. Após conferir minha lista, dê uma olhada na LISTA da Jéssica, para encontrar mais calhamaços como esses. Continuar lendo “5 LIVROS QUE DARIAM ÓTIMOS PESOS DE PORTA”

5 LIVROS QUE DARIAM ÓTIMOS PESOS DE PORTA